A blogosfera em destaque #2

blogosfera em destaque 2.png

É com prazer que anuncio o segundo balanço mensal da Blogosfera Otaku BR, uma aliança bottom-up de produtores de conteúdo sobre cultura japonesa.

Confiram abaixo seus destaques do mês de maio:

animecoteAtrás das Cortinas 03: Hironori Tanaka

Em algum momento do século XX, alguém difundiu o mito de que filmes (e séries) são obras de indivíduos, “visões” pessoais de seus diretores. Como resultado, conhecemos pouquíssimos das centenas (quando não milhares) de profissionais que se dedicam a criar o entretenimento que tanto amamos. Erick Dias do Animecote faz sua parte para remediar esse quadro. Ele nos traz um vislumbre da obra de Hinonori Tanaka, um dos mais talentosos animadores na indústria japonesa.

Nijigahara Holograph: Poucas páginas, muitas perguntasHolograph_224&225.jpg

Alguns autores nos divertem. Outros, nos fazem pensar. Uns poucos ainda nos tocam tão profundamente que nos incitam a refletir em voz alta. Inio Asano faz certamente parte do terceiro grupo. Eu já me rendi aos seus mistérios aqui, aqui e aqui. Thais Lara, do Nave Bebop, decerto sob o efeito do mesmo sortilégio, mergulhou de cabeça em Nijigahara Holograph, uma de suas obras mais abstratas.

Joker Game – ep 6 – Na guerra, a primeira derrotada é a inteligência

Joker-Game-6_18.pngQuando escrevi minhas primeiras impressões sobre Joker Game, manifestei o desejo de que a série não se esquivasse das perguntas difíceis. Não saí decepcionado. O drama sobre espiões japoneses na Segunda Guerra Mundial aborda uma história muito conhecida por olhares pouco visitados: os daqueles que sabiam, desde o início, que lutavam uma batalha perdida. Fábio Godoy, do Anime 21, destrinchou cada capítulo desta história em uma bela série de análises.

Meditando no Enredo – #7 Aku no Hana: A Face da Loucura fleurs du mal.jpg

Não são muitas as obras que desafiam o público como Aku no Hana. Misturando Baudelaire com animação rotoscópica e um roteiro kafkiano, o cult maldito de 2009 é uma obra que redefine o desconcertante. Para os curiosos (e valentes) o  Animes Tebane traz um convite para explorar esse polêmico anime.

Perfect-Blue-6.jpgPerfect Blue (1998) – Mima, ídolo pop, atriz e a loucura

Perfect Blue é uma obra que dispensa apresentações. Longa de estreia de Satoshi Kon, adaptado ao live-action como O Cisne Negroo filme é um marco do anime dos anos 1990. Henrique Picanço do Code Keikaku explora o lado mais mórbido desse thriller cerebral.

Blue Submarine No. 6. Uma aventura distópica nas profundezas do oceano10043_blue_submarine_no_6

Quem não conhece Mahiro Maeda de nome, deve conhecer sua obra. O ex-criador do Studio Ghibli, onde trabalhou em Nausicaa Laputa,  é responsável pelo segmento animado de Kill Bill, pelo curta O Segundo Renascer de Animatrix e pelo visionário GankutsuouNesse mês, o Dissidência Pop examina o seu Blue Submarine No. 6, obra de 1998 que impressionou (e chocou) o público com sua ousadia técnica.

Curiosidades #6: Autores reais de Bungou Stray Dogs

bungou stray dogs.jpgBungou Stray Dogs é um dos mais intrigantes – e, ao público ocidental, mais inacessíveis – animes da temporada atual. Espécie de ‘Liga Estraordinária’ estrelando versões fictícias de alguns dos maiores nomes da literatura nipônica, a série ganha uma outra dimensão quando sabemos, de fato, quem são suas personagens. Se você está sem tempo para devorar o cânone literário japonês, ou quer uma dica de qual livro atacar primeiro, o Robert Elias do Chodoku Animes  trouxe um primer para deixá-lo inteirado.

10 incríveis animes que são pouco citados penguindrum header

O que posso dizer? Tenho uma queda por Mawaru Penguindrum.  Confira você também a lista de pérolas que o Leandro Hoss nos preparou. Quem sabe não acha uma série para animar sua tarde de domingo?


Planetarian-KEYÚltima hora de sale da Steam: O que comprar?

A Anime Weekend Sale, infelizmente, já acabou. Contudo, para aqueles que desejam conhecer o mundo das visual novels nipônicas, mas não sabem por onde começar, o guia da Chell do Not Loli! é uma boa e descontraída introdução.

Sobre Músicas e Animes 57: Animes que nos Fizeram Chorar ano hana.jpg

Por fim, para quem curte podcasts, Evilásio Júnior e grande elenco conversam no Yopinando sobre músicas em animes que trouxeram lágrimas aos olhos. A começar pelo belo Shigatsu wa Kimi no Uso. 

Fãs de Shigatsu e música erudita em particular gostarão também de saber (se ainda não sabem) que o anime inspirou um concerto. A performance pode ser vista no Youtube:

Curtam a página da Blogosfera Otaku BR no Facebook para acompanhar seu conteúdo na íntegra.

 

Anúncios

Publicado por

Vinicius Marino

Nerd, historiador, fã de Satoshi Kon e Mass Effect

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s